Marcelo Sayão/EFE

Servidores da Petrobras e de suas subsidiárias entraram em greve por tempo indeterminado. Segundo a Federação Única dos Petroleiros(FUP), eles querem a suspensão do leilão de Libra, o primeiro do pré-sal sob o regime de partilha, marcado para 21 de outubro. “Os petroleiros exigem a suspensão imediata do leilão de Libra, a maior e mais importante descoberta de petróleo dos últimos anos, que o governo pretende ofertar às empresas privadas no próximo dia 21”, diz a nota da FUP. Na semana passada, o senador Alvaro Dias(PSDB/PR) reproduziu em plenário um alerta do ex-diretor da Petrobras, Ildo Sauer, sobre o risco de “privataria” com esse leilão. ( Foto: Marcelo Sayão/EFE)