O Brasil vivencia um momento de profunda dor com a perda de milhares de vidas para o Coronavírus. É preocupante ver que o país, em meio ao caos causado por essa pandemia, caminha para uma crise política com efeitos sobre a democracia.

A Constituição Federal foi pródiga em seu preâmbulo ao descrever os valores fundamentais que devem orientar a construção da nossa nação, através de um Estado Democrático, uma governança eficaz, com justiça e liberdade.

Os mais recentes acontecimentos sinalizam que as instituições que fornecem a base da democracia estão sob ataque. Ameaças públicas explícitas de enfrentamento aos poderes constituídos, à liberdade de imprensa e ao pleno funcionamento das instituições não coadunam com a ideia de Estado Democrático.

Precisamos resgatar a premissa original dos autores da nossa Lei Maior, que estabeleceram salvaguardas em respeito ao princípio da separação dos Poderes. Cabendo a estes relacionarem-se entre si, de maneira independente, porém em harmonia e cooperação, não se admitindo usurpações que possam comprometer o exercício das atribuições constitucionais que lhes compete exercer.

Não há espaço em nossa jovem democracia para “brechas autoritárias”. Soluções devem ser alcançadas pela via democrática, do diálogo, e com o fortalecimento das instituições. Essas são condições sine qua non para a consolidação de um Estado que seja verdadeiramente

“O meu ideal político é a democracia, para que todo o homem seja respeitado como indivíduo e nenhum venerado.” Albert Einstein

ALVARO DIAS – LÍDER DO PODEMOS NO SENADO FEDERAL

5 COMENTÁRIOS

  1. Prezado Senador; Primeiramente compartilho da preocupação pela Democracia, mas acho importante o Senado Federal, tirar da gaveta os vários processos que estão parados, que pede entre eles a instauração de processo contra Gilmar Mendes, Celso de Melo entre outros ministros. E pressão após segunda instância. O respeito foi todo perdido, quando temos uma suprena corte defendendo pontos de vista e interesses políticos do grupo que colocaram eles no STF. é uma vergonha, o Senado se manifesta e toma a ação, ou o povo vai para as ruas mesno e ai a Democracia vai ser realizado pelo povo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, deixe seu nome aqui