Alvaro Dias apresenta voto de pesar pela morte do ex-senador Papaléo Paes

0
108

O senador Alvaro Dias apresentou, esta sexta-feira (26/06), requerimento de Voto de Pesar pelo falecimento do ex-governador e ex-senador João Bosco Papaléo Paes, aos 67 anos, ocorrido na noite de ontem, na capital amapaense, em decorrência de complicações da Covid-19.

“Foi com profunda consternação que recebi a notícia da morte do amigo Papaléo Paes, um companheiro fraterno que deixa um rastro de honradez e desprendimento humano. Um homem essencialmente cordial, de dignidade ímpar e cuja generosidade se projetava no convívio cotidiano”, destacou o líder do Podemos.

Médico cardiologista, Papaléo Paes foi diretor do Hospital Geral de Macapá e ocupou a secretaria de Saúde do Estado em 1992, mesmo ano em que foi eleito prefeito da capital. Em 2002, foi eleito senador e inicia sua trajetória no Senado da República. Permaneceu na política até agosto de 2018, quando renunciou ao cargo de vice-governador do Amapá.

Alvaro Dias ressaltou que Papaléo Paes “deixa um importante legado na passagem pela vida pública, notadamente por sua fidelidade aos interesses republicanos”. Também apontou que, como médico, “nunca deixou seu olhar se desviar dos menos favorecidos”.

“O Amapá está de luto, mas o Brasil igualmente perde um filho digno e ilustre. Ele deixa imensas saudades e um triste vazio”, pontuou o senador. “Que a legião de amigos ajudem a atenuar a dor que estão sentindo sua esposa Josélia e as filhas Juliana Paes e Jacyra Paes”.